Ranking dos aparelhos mobile – Analytics Leilao.jp

Padrão

Os 22 aparelhos móveis mais usados para acessar o site Leilao.jp no final de 2011.
Uma base para entender quais “gadgets” os brasileiros no Japão estão utilizando no momento.

O iPhone tem um domínio grande em relação aos outros, pois a Softbank, foi a primeira operadora a investir nos smartphones. Com uma estratégia agressiva, oferecendo ligações a preços baratos no início das suas operações, logo após adquirir a carteira de clientes da Vodafone Japan em 2006, por US$ 15 bilhões.
Esta aquisição, permitiu a Softbank, criar sua base para expandir o acesso a internet móvel, que já era um foco da companhia, quando lançou a banda larga Yahoo BB em 2001. Entre 2008 e 2011 a Softbank teve exclusividade nas vendas do aparelho da Apple.
Porém, em 2011, a Au ou “Eiyu”, braço móbile da KDDI (parte do conglomerado Toyota), ganhou a concessão para vender o iPhone 4S, dividindo o mercado desse tão cobiçado “gadget”.

No Japão, a grande maioria sabe que a conexão da Au é melhor que da Softbank. E, no caso dos japoneses, eles preferem a DoCoMo, por ser da NTT, a mais antiga empresa de telefonia do Japão. Mas que tem preços superiores a Au e Softbank.

Na lista dos aparelhos usados pelos brasileiros, podemos notar uma grande variedade de aparelhos da Au e Docomo, e poucos modelos de aparelhos da Softbank. Portanto, cabe ao pessoal de marketing, pensar nesses consumidores, na hora de planejar suas estratégias.

Vale a pena observar também, os tablets, iPad e Galaxy Tab, que podem ser melhor explorados pelo tamanho da tela e facilidade de uso. Basta olhar na coluna “Pages” e notar que o número de páginas vistas nos tablets, são maiores que a média geral. 19,56 e 22,72 contra 14,60 de média.
Mais um ponto a destacar em prol do iPad, o número de novas visitas, 11,22% o dobro da média, 5,32%.

Apesar de não ter números claros, dentre os desconhecidos, é possível que haja tablets genéricos, provenientes da china, com sistema android, sendo utilizados para acessar o Leilao.jp, pois há inúmeras empresas brasileiras fabricando e revendendo esses modelos no mercado.

Esse é apenas o Top 22, na lista completa, há mais de 100 modelos sendo usados. Em vários países.